A Educação Ambiental NÃO conscientiza ninguém!

Ao trabalharmos Educação Ambiental devemos nos preocupar em não reproduzir certos jargões ambientalistas, como, por exemplo, o uso da palavra conscientização. Isto se deve, pois, a Educação ambiental não tem como objetivo conscientizar, ela visa sensibilizar e motivar os envolvidos para o despertar em relação aos problemas socioambientais. A conscientização é intrínseca de cada um, e este processo só pode ser conseguido sozinho.

Ou seja,  o processo de conscientização parte de dentro para fora. Temos que ter em mente que o uso inadequado do termo conscientizar é um fato, quando se fala em Educação Ambiental, vista por este enfoque, a Educação Ambiental teria apenas o objetivo simplista de tornar ciente os envolvidos, assumindo um carater informativo e não transformador.  Não estou dizendo que, não seja importante a informação, mas Educação Ambiental não deve apenas se resumir a isto.

Ela deve ser antes de mais nada, um processo de reflexão, entre os envolvidos, de modo que cada uma das pessoas, através de um ponto de vista crítico em relação ao ambiente que o cerca, possa se ver como parte do todo e que os problemas socioambientais não atinge somente o ambiente, mas também quem vive e depende dele.

Neste contexto, a Educação Ambiental, pode levar a uma conscientização individual e coletiva do grupo, considerando as representações sociais que norteiam o pensar e agir dos envolvidos no processo educativo, identificando pontos de fragilidade que podem ser usados para que o indivíduo seja posto em situação de conflito, e saia de sua zona de acomudação, entrando em contato com o seu pensar e agir, refletindo sobre suas práticas e decidindo a partir daí quais procedimentos deverá adotar.

Logo, a Educação Ambiental Crítica objetiva mediar para efetivas mudanças, para mudanças atitudinais, não por informar, e sim por fazer o envolvido no processo se reconhecer como parte do problema, tornando-o capaz de transformá-lo, resolvendo ou propondo soluções, não somente aceitando-as.

Anúncios

5 opiniões sobre “A Educação Ambiental NÃO conscientiza ninguém!

  1. Pingback: Educação ambiental não é campanha de “Não jogue lixo no chão!” | Educação Ambiental Crítica

  2. Pingback: Bárbara Dias: Educação Ambiental NÃO serve para conscientizar (mais autocrítica minha) | Consciencia.blog.br

  3. Olá Bárbara! Acredito muito nesta abordagem que você faz, e cheguei aqui por meio de pesquisa sobre a crise hídrica. Muito se fala em “conscientizar” a população, e poucas mudanças ocorrem. Quero citar esta ideia no meu artigo. Existe alguma publicação sua, ou de algum autor com trabalho já publicado que você pudesse me informar? Muito obrigade desde já!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s